Emoções

Ainda continuo a olhar para o céu
E fazer perguntas ao infinito
Como um velho homem
Se questionando se no final foi divertido
O que mudou com o novo mundo?
Outro perfeito comprimido
Ou a solidão tentando ser fatal?

É ridículo parecer deprimido
Ficar fumando cigarros
E se afundando nos tragos
Como isso tivesse algum sentido

É imperdoável não ter emoções
Falar coisas vagas
E ir embora sem explicações
Gostar de sentir o frio lá de fora
Só pra ficar igual ao teu mundo interior

By Diego Z.

Anúncios

Publicado em 25/06/2009, em Poemas e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Muito bom. Parabéns. (y

  2. Muito bom.Seus poemas são demais adoro todos eles parabéns!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: