Desejos

Como está se sentindo hoje cara?
A cabeça ainda dói?
Estômago enjoado,
Garrafas de bebida pelo quarto
E outro vidro quebrado?

O som do amanhecer
Parece um inferno
É engraçado, você ouve
Todos os dias a mesma
Música alta naquele
Lugar moderno
E fantasia estar se divertindo
Todos sorrindo e bebendo
No fundo estão morrendo
E não querem ajuda para se
Enterrar
Não, eles não querem se salvar
Apenas atravessar
O corredor iluminado

E o seu melhor amigo
O que aconteceu?
Ele disse que não vivia sem você
Por que então desapareceu?
E aquela linda menina
Que você sempre foi apaixonado
Perdeu o encanto porque ela
Tinha namorado?
Ou você finalmente percebeu
Que nunca foi notado?

Às vezes isso parece
Não ter fim
Todos os dias
Esse quarto rodando
Minhas mãos tremendo
E a noite morrendo

Novamente chegou a
Hora de descansar
E mais uma vez rezar
Para dormir tranqüilo
Mas nunca mais acordar

by Diego Z.

*Sabemos que não devemos continuar fazendo certas coisas, porque nos matam mais rapidamente que a própria vida . Todavia, alguns prazeres são tão fortes que nos impedem de viver o mundo normal.

Anúncios

Publicado em 11/04/2009, em Poemas e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: